22 março 2008

Filha de duas mães

filha de duas mães
adoro vesti-las de igualtenho andado à tua procura
para te amar

sobre a mesa posta
sem nenhuma vaidade
ensinar-te-ei meu amor
a praticar a caridade

nunca direi saudade
ligo pouco ao que se diz
mas não levo muito a mal
a ideia de ser feliz

7 comentários:

Manuel Marques disse...

Espectacular este novo álbum! E a Filha de duas mães é um avanço poderoso... já não me lembro se por acaso tocaram esta canção no espectáculo no Teatro Maria Matos no ano passado... sei que houve lá uma musica que nunca tinha escutado e que foi puro encanto! Parabéns!!! Venham os espectáculos e a alma do costume!!!

Rui disse...

A ser feliz com alguém, que seja mesmo filha de duas mães.

Nada inocente, inclino-me perante a vossa música.

Obrigado.

Pedro Sá da Costa disse...

Eu adoro as vossas músicas.

Passem pelo site:
http://pensamentoslevamovento.blogspot.com/

pode ser que a minha humildade vos inspire para outras das vossas músicas maravilhosas. :p

Se isto fosse um país mais desenvolvido, para mim, vocês merecem um reconhecimento internacional.

andré nunes disse...

Finalmente sai o album, não demorem tanto tempo a fazer o próximo "disco". A voz em Filha de duas mães,é como: um barco a rasgar as águas e o vento que enche as velas vem da guitarra portuguesa...
Vemo-nos em Águeda, já que infelizmente não vêm a Aveiro

Deepblue disse...

É o meu primeiro contacto coma vossa música... e a Filha de duas mães é muito poderosa, subtilmente ironica... muito, muito bom...

Estarei sem dúvida no Maria Matos dia 19...

Abssinto disse...

Quase óbvio primeiro single, mas as restantes estão ao mesmo nível.

Karlo disse...

Devo dizer que a primeira vez que ouvi uma musica vossa, pelo menos que me lembre, foi a cerca de duas semanas atrás, com "Esta depressão que me anima"! Fiquei de boca aberta, aquela musica tocou-me bastante fundo. Logo comecei a tentar descrobir mais coisas sobre A Naifa, e qual o meu espanto, quando descubro que o estilo de musica é Fado, nunca tinha ouvido fado com tanto prazer!
Parabens, adorei...